quinta-feira, 18 de março de 2010

CONFLITOS

Entre o sentido e a palavra,
guardo-me para o caminho que me definirá, um dia.
Entre emoções e explosões,
me recondiciono, lentamente,
de lembranças afins.
...Assim serei...
Porque aprendi à ser sozinha.
Desde sempre...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Passageira em busca da sabedoria.
Porque, somente quem está no amor é sábio, mesmo que não seja letrado e nem arquiteto das palavras.
Carinhosamente e sempre presente, mesmo que ausente.