domingo, 2 de outubro de 2011

FALTA

Foi, felicidade, sim!
Dos detalhes
O coração revela.
Sintonia, saudades.
Sensibilidade, sim!
Uma voz serena.
Mensagens que mantinham 
Nosso palco de emoção.
Era só de mim o silêncio.
Fora breve ilusão?
Não! Foi real...
Quase invisível ficou.
Foi imensa essa dor.
Tudo, por...
Falta...
do teu  A M O R !

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Passageira em busca da sabedoria.
Porque, somente quem está no amor é sábio, mesmo que não seja letrado e nem arquiteto das palavras.
Carinhosamente e sempre presente, mesmo que ausente.