quarta-feira, 28 de setembro de 2011

FRAGMENTOS

Reconhecimento.
Extrema empatia.

Forma expressiva.
Sintonia e equilíbrio.

Aproxima o tempo
Que os dias não registra.

Nessa passagem
Pela última dimensão!
Há fronteiras com o desconhecido.

Sem respostas ao silêncio.
Provas sem resistência.
Alinhamento pleno!!!

Há um abismo intrasponível.
Não posso ainda, trancender ao limite.
Preciso entender a parte fragmentada.

A intuição tranpõe os sonhos.
Dessa força, há uma ponte de energia.
Uma fonte da cor do amor...





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Passageira em busca da sabedoria.
Porque, somente quem está no amor é sábio, mesmo que não seja letrado e nem arquiteto das palavras.
Carinhosamente e sempre presente, mesmo que ausente.